Em defesa dos alunos, das mães, dos pais e da comunidade

A greve das professoras conta com o apoio corporativista do sindicato das professoras, dos corporativistas do sindicato das diretoras e dos corporativistas do sindicato das supervisoras de ensino…

Sendo assim, quem é que vai defender o direito dos 5 milhões de alunos, dos 10 milhões de mães e pais, e dos 40 milhões de paulistas???

Embora o sindicato das professoras sempre faça questão de informar que o governo do PSDB está há mais de 15 anos governando o estado de SP, o próprio sindicato “esquece” que existe desde 1945… e que a maior parte de suas associadas são professoras “ACTs” (Admitidas por Contrato Temporário)… tem professora temporária que está nesta “situação” há mais de 10 anos… esta situação é muito cômoda para muitas professoras que não querem assumir o compromisso de ser servidora pública efetiva… para qualquer cobrança sempre utilizam a desculpa esfarrapada de que são “temporárias”… É bem verdade que muitas professoras também não conseguem passar nos concursos públicos… e la nave va…

Quem foi que levou a educação a esta situação calamitosa?
Os governantes, bem ou mal, são “testados” e avaliados a cada 4 anos (eleições gerais)!!! E as corporações que dominam as escolas há décadas? Quem é que as elegeu???
Quem é que não aceita a fiscalização das escolas públicas?
Quem é que não aceita a avaliação das professoras?
Quem é que não aceita a divulgação da remuneração das professoras?
Quem é que não aceita alunos, mães, pais nem comunidade na gestão das escolas?
Quem é que chama nossos alunos de desajustados?
Quem foi que deu as cartas com naipes tão marcados esperando enganar?
Quem foi o inventor das regras que servem só para mantê-los lá?

Não temos dúvidas: a corporação de professoras tem interesses próprios e é adversária dos alunos, das mães, dos pais e da comunidade.


Quem foi? (UP BROTHERS)
Quem foi que um dia achou você desajustado
Por não acreditar naquilo que eles dizem
Querendo que você só fique aí parado
E aplaudindo tudo aquilo que eles fazem
Não penso que o tempo fica a nossa espera
Se a noite e o dia passam tudo se renova
Pra que ficar vivendo idéias que já eram?
Dizer que é do bem e vai vencer o mal

Eu não sei
Não sei quem foi o inventor
Das regras que servem só
Para mantê-los lá

Quem foi
Que deu as cartas eu não sei não
Com naipes tão marcados esperando enganar
Quem foi
Que deu as cartas eu não sei não
Com esses naipes tão marcados eu não vou jogar

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s