Progressão Continuada não é “aprovação automática”


Professor Mário Sérgio Cortella dá uma entrevista na TV Legislativa de SP e fala sobre o Sistema de Progressão Continuada na Educação.

Uma resposta para “Progressão Continuada não é “aprovação automática”

  1. A entrevista completa é boa, mas faltou o grande Mário Sergio Cortella “dar nome aos bois”:
    1) Há, sim, culpa dos professores em relação à péssima educação oferecida nas escolas públicas.
    2) A falta de “escola” ou a oferta irregular do serviço educação constituem crime. E todo crime comporta autores e co-autores;
    3) A corporação tem culpa tanto pela ação (conivência com a enganação escolar) quanto à omissão (não denunciar direções escolares e governos que não priorizam a educação escolar);
    4) Faltou dizer que foi a corporação (Sinpeem – sindicato de professores) que boicotou as propostas do governo Erundina (secretários Paulo Freire e Mário Sérgio Cortella).
    5) Tão logo a Erundina perdeu a reeleição para o Paulo Maluf, a corporação negociou a mudança da jornada (20h em sala de aula + 10h em atividades extraclasse) para 25h exclusivamente em sala de aula… seria para também “pegar aulas” na rede estadual de SP…
    6) Educação x Escolaridade. Não dá para ficar enganando com falso silogismo. As corporações dizem que “educação vem de casa”, ignorando que educação é responsabilidade de todos. mas o que cobramos, das escolas, é a educação formal, a escolaridade. é a própria corporação que propaga esta confusão. Por que não cobrar, então, que as “secretarias de educação” sejam renomeadas para “secretarias da escolarização”?
    7) Não dá para comparar o “bônus” com o direito de comer mais ou menos merenda. O bônus é um adicional além do salário, um adicional para quem superou a mediocridade. Escola não melhora se não houver incentivo para os professores que se esforçam e apresentam bom desempenho.
    8) As escolas não querem a participação dos pais. Não querem nenhum tipo de fiscalização sobre o seu trabalho.
    9) a corporação não aceita ficar em uma única escola, pois seria avaliada pelo seu desempenho “nesta escola”.
    10) Faltou dizer que foram os maus professores que criaram a aprovação automática

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s