Observatório da Violência Escolar e a Ouvidoria do Aluno.

O Plano Nacional de Direitos Humanos (decreto nº 7037/2010) estabelece a seguinte meta: “Implantar sistema nacional de registro de ocorrência de violência escolar, incluindo as práticas de violência gratuita e reiterada entre estudantes (bullying), adotando formulário unificado de registro a ser utilizado por todas as escolas”.

Mas isto de nada adiantará se não houver um Observatório da Violência Escolar onde sejam, de fato, registrados todos os casos de “violênica escolar”, identificando claramente as vítimas e os agressores (alunos, mães, pais, funcionários, professores, diretores, outros). Um Relatório anual deverá ser publicado com as estatísticas referentes a cada escola, indicando o número de casos, o tipo de caso (agressão física ou moral, vandalismo, furto, roubo etc) e também se o caso foi resolvido.
Outro ponto fundamental: a criação de uma Ouvidoria do Aluno para registrar as reclamções dos alunos, das mãe e dos pais contra as escolas públicas. Essa Ouvidoria do Aluno só vai funcionar de forma eficaz se for independente da corporação de professores e diretores.

Já está mais do que na hora de acabar com o mito da professorinha-santa-abnegada (que está sempre certa) vesus o aluno-capeta (que estaria sempre errado0. Toda história tem dois lados…

“A Versão do Lobo Mau – Parte 1, UP BROTHERS)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s