Justiça manda soltar professora acusada de tortura.


Lembra do caso da professora que torturava crianças em Goiânia (Goiás)?
Pois bem. A justiça brasileira mandou soltar a professora de 62 anos, dona da creche, que estava presa há três meses por práticas de torturas contra crianças pequenas.

O juiz da 7ª Vara Criminal de Goiânia, Oscar Sá de Oliveira Neto, não viu torturas nem no vídeo e nem nos depoimentos de outra professoras e funcionárias. O juiz também concedeu liberdade à professora Maria do Carmo Serrano, a dona do berçário Bebê Feliz, por entender que ela não tem antecedentes criminais e tem endereço fixo…

Este é o Brasil que vai pra frente.

Leia a notícia completa aqui:
Dona de creche filmada agredindo crianças é solta em Goiânia (Correio Baziliense, 05/03/2011)
“Apesar de o crime de Maria do Carmo ter sido desclassificado e enquadrado em categoria mais branda, os depoimentos de funcionários da creche e de pais das crianças indicavam que as agressões podem ter sido mais sérias. Há casos de relatos em que a dona da creche obrigava meninos e meninas a sentarem na própria urina, trancava as crianças no banheiro e esfregava o dedo delas no muro até sangrar”.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s