Mentiras, Grandes Mentiras, Estatísticas e Reportagens da Folha.

Mais uma vez o jornalismo chapa-branca da Folha de São Paulo deu um jeitinho de torturar os números e apresentar escolinhas medíocres como se fossem boas escolas.

Na divulgação das “notas médias das escolas de SP”, o jornal Folha de São Paulo comete erros grosseiros na interpretação dos números. Por exemplo: dizer que a escolinha EE Lucia de Castro Bueno é a 13ª melhor escola de SP!
Alguém aí, da Folha ou do DataFolha, poderia explicar aos jornalistas chapas-branca qual é o número de alunos matriculados nas respectivas séries e, ainda, verificar se todos estes alunos participaram da prova em questão.

Vamos comparar, por exemplo, os desempenhos das escolinhas EE Lucia de Castro Bueno (Taboão da Serra) e EE Rui Bloem (Capital) em 2009, já que não temos os dados completos do IDESP-2010:
– EE Lucia de Castro Bueno:
Número de alunos matriculados na 3ª série do Ensino Médio: 611 (dados do ENEM 2009)
Número de alunos que fizeram a prova do Saresp 2009: 56
IDESP 2009 – Língua Portuguesa: nota 5,61
Número absoluto de alunos com desempenho Adequado/Avançado Língua Portuguesa: 38,3 (68,4%)
IDESP 2009 – Matemática: nota 3,15
Número absoluto de alunos com desempenho Adequado/Avançado em matemática: 11,2 (20,0%)
Nota Geral IDESP 2009: nota 4,08

– EE Rui Bloem:
Número de alunos matriculados na 3ª série do Ensino Médio: 611 (dados do ENEM 2009)
Número de alunos que fizeram a prova do Saresp 2009: 519
IDESP 2009 – Língua Portuguesa: nota 4,90
Número absoluto de alunos com desempenho Adequado/Avançado Língua Portuguesa: 293,7 (56,6%)
IDESP 2009 – Matemática: nota 3,11
Número absoluto de alunos com desempenho Adequado/Avançado em matemática: 104,3 (20,1%)
Nota Geral IDESP 2009: nota 3,4

Análises:
1) A EE Rui Bloem tinha 10 vezes mais alunos que a EE Lucia Castro Bueno (611 x 61);
2) 519 alunos da RB fizeram a prova do SARESP 2009, contra apenas 56 da LCB;
3) A Nota Geral IDESP 2009 da LCB (4,08) não diz nada ao compararmos com a Nota Geral IDESP 2009 da RB, pois os 38,3 alunos melhor colocados da LCB em Língua Portuguesa terão de disputar as vagas com os 293,7 alunos melhor colocados da RB;
4) No caso da avaliação em matemática, a situação da LCB é desesperadora, pois os seus 11,2 alunos melhor colocados terão de disputar vagas com os 104,3 alunos melhor colocados da RB;

Conclusão: nem a escolinha EE Lúcia de Castro está em 13ª lugar, nem a escolinha EE Rui Bloem estaria em 50º lugar. Um pouco de estatística básica não faria mal a nenhum jornalista. A informação precisa e análises apuradas são os mínimos exigidos de uma imprensa que pretende respeitar a inteligência de seus leitores e dos brasileiros em geral.

Esperamos que a Folha de São Paulo publique os resultados completos do IDESP 2010, inclusive informando o número de alunos matriculados por série em cada escola. Isso não vai resolver o problema da má qualidade do ensino em SP, mas não permitirá que governos e direções autoritárias façam falsas propagandas educacionais, expulsando os alunos “mais fracos” e maquiando os resultados da avaliação do desempenho das escolas públicas do Estado de SP.

São Paulo, 02 de abril de 2011.
Mauro Alves da Silva
Coordenador do Movimento COEP – Comunidade de Olho na Escola Pública
https://movimentocoep.wordpress.com/

Anúncios

Uma resposta para “Mentiras, Grandes Mentiras, Estatísticas e Reportagens da Folha.

  1. 01/04/2011 – 03h00
    Interior de SP concentra escolas estaduais com bom nível

    FÁBIO TAKAHASHI
    ANDRÉ MONTEIRO
    DE SÃO PAULO

    As poucas escolas estaduais paulistas com bom nível de ensino estão fora da capital, aponta exame do próprio governo.

    Veja o ranking do 3º ano do E. Médio
    Veja o ranking do 9º ano do E. Fundamental

    Entre os mais de 3.500 colégios com nono ano do ensino fundamental, apenas cinco estão no patamar considerado ideal pela Secretaria da Educação, com nível de países como a Finlândia (líder de rankings internacionais). Todos estão no interior.

    No ensino médio, quatro escolas atingiram o nível ideal, nenhuma na capital. A cidade também fica fora se considerado o grupo de 20 melhores escolas do Estado em cada nível.

    Os dados estão em levantamento da Folha, com base no desempenho dos colégios no Idesp, índice oficial que considera a atuação dos alunos em exames de português e matemática, além da quantidade de aprovados.

    http://www1.folha.uol.com.br/saber/896737-interior-de-sp-concentra-

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s