Jornalismo chapa-branca repete fala do ministro da educação, que está escondendo as notas do ENEM 2010.


O Jornal Folha de São Paulo continua sendo pautado pelas assessorias de imprensa dos governantes, reproduzindo suas falas sem nenhuma analise mais crítica.
O ministro da Educação Fernando Haddad deu a seguinte explicação fajuta para o atraso da divulgação das notas do ENEM 2010: “o recalculo do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) por conta da reaplicação da Prova Brasil em 20 escolas brasileiras” (sic).
Nenhum jornalista da Folha de São Paulo sabe que a Prova Brasil só é aplicada no Ensino Fundamental?
Nenhum jornalista da Folha de São Paulo sabe que o IDEB só avalia o 5º e 9º ano do ensino fundamental?
Nenhum jornalista da Folha de São Paulo sabe que o ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio) é uma prova independente? Só aplicada aos alunos da 3ª série do Ensino Médio? E que os resultados individuais já estão disponíveis para os alunos e para as escolas participantes desde o início do ano de 2011?
Será que nenhum jornalista da folha de São Paulo cobrou o Ministério da Educação pela falta de divulgação da nota do ENEM 2010, um exame nacional, pago com dinheiro público, e que tem o objetivo de avaliar o ensino médio no Brasil?
Nenhum jornalista da Folha de São Paulo lembrou-se de que os resultados do ENEM, por escola, costumavam ser divulgados no mês de maio?

É uma inverdade a fala do ministro Fernando Haddad, pois o Movimento COEP entrou em contato com o MEC e recebeu a seguinte resposta:
Prezado(a) Sr(a) Movimento Comunidade de Olho na Escola Pública,
O protocolo de n° 5631113, foi finalizado em 25/7/2011, às 08:51 pela área responsável.
Solução:
Sim. A divulgação dos resultados por escola se fará somente [grifo do COEP] para aquelas que declararam o Censo Escolar e cujos alunos participaram do exame.
As escolas de ensino médio que tenham no mínimo dez alunos concluintes e participantes do exame poderão consultar na Internet as médias de desempenho obtidas pelo total de alunos.
Resguardado o sigilo dos resultados individuais e para subsidiar estudos e pesquisas educacionais, o Inep também divulgará os micro dados do Enem 2010.

O fato é que o ministério da educação e o ministro Fernando Haddad estavam escondendo as notas das escolas…
Um jornalismo sério, comprometido com o interesse público, deveria questionar o ministro da educação e até mesmo a presidente Dilma Rousseff sobre os motivos pelos quais estariam escondendo as notas ds escolas no ENEM 2010.

Vale lembrar que o MEC costuma dificultar o acesso aos dados sobre as escolas, não divulga o arquivo completo sobre as notas das escolas e, pior que isso, “apaga” os dados referentes aos exames anteriores (2005 a 2009), impedindo-se que a sociedade avalie se houve evolução (ou involução) no desempenho das escolas do ensino médio.

Por último, ainda estamos aguardando uma nova reportagem da Folha de São Paulo (e da TV Globo) sobre a escola estadual Lucia de Castro Bueno, de Taboão da Serra, a qual fora tida com a melhor (sic) escola pública de SP; e também teve editorial [da Folha] elogiando o seu diretor linha dura…

É isso.

São Paulo, 19 de agosto de 2011.

Mauro Alves da Silva

http://movimentocoep.ning.com/

***

19/08/2011 – 23h25

Dados do Enem 2010 por escola devem sair em 15 dias

DE SÃO PAULO

O ministro da Educação, Fernando Haddad, informou nesta sexta-feira, 19, que os dados do Enem de 2010 por escola serão divulgados em 15 dias. Segundo ele, essa divulgação permitirá a avaliação normal, como feita nos anos anteriores, ou acrescida dos dados de proporção por escola.

De acordo com o ministro, que proferiu palestra na Câmara de Vereadores de São José dos Campos (SP), no Vale do Paraíba, o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais) passará a informar a relação, por escola, de alunos que fizeram o exame. “Será um novo dado”, explicou o ministro.

“Dessa forma, as famílias poderão avaliar o desempenho real das escolas de seus filhos, na proporção de alunos inscritos, sem se impressionar com eventual publicidade”, disse.

O ministro disse que a divulgação habitual continua a mesma. “O atraso nessa divulgação não tem a ver com este acréscimo de informação, e sim com o recalculo do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) por conta da reaplicação da Prova Brasil em 20 escolas brasileiras”, afirmou Haddad.

http://www1.folha.uol.com.br/saber/962670-dados-do-enem-2010-por-escola-devem-sair-em-15-dias.shtml

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s